Vagas de estágio abertas no MPE-AL



     

O Ministério Público do Estado de Alagoas – MPE/AL abriu edital para realização de processo seletivo MPE/AL/5 PSP ESTAGIÁRIOS – Nº 01/2014. Segundo o edital serão providas 150 vagas para estagiários dos alunos do curso de Direito. O certame será de responsabilidade da Fundação Apolônio Salles de Desenvolvimento Educacional, que ficará a cargo das etapas da seleção.

Os estagiários terão direito a bolsa-auxílio no valor de um salário mínimo vigente, acrescida de auxílio transporte pelo cumprimento de jornada de estágio de 20 horas semanais, em turno matutino ou vespertino. Enquanto tiver estagiando, o estudante terá direito a seguro de vida. Os estagiários assinarão contrato de 6 meses, com possibilidade de prorrogação de até três vezes por igual período, segundo os critérios do Ministério Público do Estado de Alagoas.

Os interessados podem se inscrever até 7 de julho de 2014, exclusivamente pela internet, no site www.fadurpe.com.br/mpal2014. O valor da taxa de participação é de R$ 45,00, contudo é solicitado que no dia da prova os estudantes levem uma lata de leite em pó para doação a instituições de caridade. Os candidatos podem confirmar a inscrição pelo DCI, que estará disponível para consulta ou alterações cadastrais, a partir do dia 12 de julho de 2014, no site www.fadurpe.com.br/mpal2014.

A seleção se dará por meio de uma prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório a ser realizada na data provável de 20 de julho de 2014, das 14h às 18h (horário local). Os locais poderão ser consultados no site das inscrições, sendo de responsabilidade do candidato verificar essas informações. O resultado preliminar do processo seletivo também será divulgado no site www.fadurpe.com.br/mpal2014 e no Diário Oficial do Estado de Alagoas, em 30 de julho de 2014.

A validade da seleção será de um ano, contado a partir da data da divulgação do resultado, podendo ser prorrogado por mais um ano, a critério do Procurador-Geral de Justiça do Estado de Alagoas.

Por Robson Quirino de Moraes