Vagas de estágio abertas na Prefeitura de Sorocaba (SP)



     

Mais uma oportunidade para estudantes que desejam entrar no mercado de trabalho na condição de estagiário. A Prefeitura de Sorocaba, no estado de São Paulo, abriu edital para realização de processo seletivo para estudantes interessados no cargo de estagiário.

Os aprovados serão lotados na Secretaria Municipal de Educação. As vagas são direcionadas a estudantes de diferentes cursos de licenciatura. A responsabilidade do certame é do Centro de Integração Empresa-Escola – CIEE, que ficará a cargo das etapas que compõem a seleção.

As oportunidades são para alunos dos cursos de Pedagogia, Letras, Química, Biologia, Matemática Artes, Dança, Educação Física, Geografia, História, Física, e licenciaturas voltadas para a área da Educação. Os selecionados serão convocados de acordo com a demanda da Secretaria Municipal de Educação e das vagas oferecidas, 5% são destinadas aos candidatos portadores de necessidades especiais. Os aprovados terão direito a bolsa-auxílio mensal no valor de R$ 500,00, mais benefícios previstos na legislação vigente e auxílio transporte de R$ 128,00. O estágio terá duração mínima de seis meses e máxima de dois anos, de acordo com o período cursado pelo estudante.

Os interessados podem se inscrever pela internet até o dia 27 de outubro de 2014, por meio do site www.ciee.org.br. Não será cobrada taxa de participação dos interessados.

Os candidatos serão submetidos à prova objetiva a ser aplicada provavelmente no dia 1º de novembro de 2014, na Faculdade Anhanguera de Sorocaba Av. Dr. Armando Pannunzio, nº 1.478 – Jardim Vera Cruz – Sorocaba – SP em horário a ser divulgado no site das inscrições.

A atribuição será conforme a classificação a ser divulgada de 14 a 26 de novembro de 2014, tendo as datas previstas de atribuições de 1 a 5 de dezembro 2014.

O gabarito da prova objetiva será divulgado a partir das 12h do dia 3 de novembro de 2014, no site www.ciee.org.br. A validade do certame será de um ano, com possibilidade de prorrogação. 

Por Robson Quirino de Moraes