Programa de Estágio Google 2015 – Vagas abertas



     

O estágio representa sempre uma oportunidade de adquirir experiência, criar uma rede de contatos, ganhar espaço no mercado de trabalho e quem sabe consolidar-se em um espaço profissional. E para aqueles interessados nas grandes empresas no mundo da internet, que atualmente tem salários atraentes e muito espaço para novos profissionais, o Google anunciou a abertura da 5° edição do Google Business Internship, ofertando 26 vagas para estagiários na cidade de São Paulo, tendo como exigência estudantes que se graduam no ano de 2015.

O referido programa dispõe de vagas para diversas áreas, com duração de seis meses. As inscrições acontecem até fevereiro e a previsão de realização do estágio é para o 2° semestre de 2015.

No Brasil, o Google possui escritórios em Belo Horizonte e São Paulo, embora as informações que circulam pela internet indiquem que as vagas para o estágio serão exclusivamente para São Paulo. Na capital mineira, o escritório está localizado na Avenida Bias Fortes, n° 382. Já em São Paulo, o escritório do Google fica localizado na Avenida Brigadeiro Faria Lima, 3.477, no 18° andar.

Para ter boas chances nessa empreitada, como dicas apontamos que é desejável que o candidato tenha um bom domínio do Português e, obviamente, conhecimentos do Inglês tanto na fala quanto na escrita. Analisando o perfil do Google, podemos ainda apontar que os profissionais devem se demonstrar criativos e se destacarem diante dos demais. É preciso compreender que a empresa está presente em várias partes do mundo, e sua produção deve interagir com essa pluralidade cultural, portando o candidato deve ser capaz de lidar com essas características, ser inteligente, ter iniciativa e ser criativo.

Segundo informações do site da revista Veja, utilizando-se de videoconferência a empresa realizará as entrevistas, evitando que os candidatos necessitem viajar a São Paulo, na fase de seleção.  O processo seletivo contará com testes online e entrevistas.

Informações também podem ser obtidas pelo site da Veja: veja.abril.com.br.

Por Thiago José Fernandes