Programa Jovem Aprendiz Correios 2018




Prazo de Inscrição irá até o dia 29 de maio de 2018.

A Empresa Nacional de Correios e Telégrafos publicou o edital de seu processo seletivo, que visa ao preenchimento de 4.983 postos de trabalhos para o Programa Jovem Aprendiz.

Além das 4.983 vagas ofertadas para os jovens, os Correios também irão formar cadastro de reserva de pessoal para o curso de Assistente Administrativo, tanto na modalidade presencial como à distância.


As vagas do Programa Jovem aprendiz serão distribuídas por todas as regiões do Brasil.

Inscrições

Os alunos que tiverem interesse em concorrer a um dos postos de trabalho disponíveis no programa, devem realizar a inscrição por meio do site www.correios.com.br.

No site os estudantes devem clicar na opção “Recursos Humanos” e seguir as instruções presentes nessa área.


O prazo para efetuar a inscrição vai até o dia 29 de maio de 2018.

A divulgação do resultado do processo seletivo, com o nome dos aprovados, está prevista para ser publicada no mês de julho de 2018.

Sobre as Vagas

Requisitos: Os interessados em concorrer à uma das vagas devem estar cursando a partir do 9º ano do ensino fundamental e ter idade entre 14 e 22 anos, no momento da contratação.

Benefícios: Os jovens aprendizes aprovados receberão uma bolsa-auxílio no valor de R$ 448,46. Além disso, vão contar com um pacote de benefícios composto por vale-transporte e vale-refeição.

Carga horária: A jornada de atividades dos selecionados será de 20 horas semanais, sendo 4 horas por dia.

Funções atribuídas ao Jovem Aprendiz: De acordo com o edital publicado, são funções atribuídas ao aprendiz as seguintes atividades:

Entregar documentos entre as áreas internas; Receber e despachar documentos; Arquivar documentos; Fazer reposição de material; Prestar apoio na realização de eventos, organizando os ambientes e verificando os equipamentos/materiais conforme o solicitado pela liderança; Conservar os arquivos em ordem e atualizados; Realizar serviços como elaboração de planilhas, digitação de expedientes, além de entrar em contato por mensagens eletrônicas, com os clientes internos; Enviar e receber documentos através do fax; Fazer serviços reprográficos; Fazer uso de multimídia e retroprojetor; Atender chamadas telefônicas; Prestar auxilio na entrega de senhas e na organização de filas, Fornecer as informações necessárias ou encaminhar os clientes de acordo com o serviço solicitado; Informar sobre os serviços e produtos da ECT e cumprir com as atividades exigidas no curso de aprendizagem, que é coordenado pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial, o Senai.

Sobre o Processo Seletivo

O processo seletivo vai ocorrer em duas etapas:

1º Etapa: Comprovação de requisitos

2º Etapa: Exame médico pré-admissional.

Sobre a Classificação

A classificação ocorrerá por meio dos seguintes critérios:

  • Renda familiar;
  • Aprovação escolar no último ano letivo cursado e concluído;
  • Participação do candidato em programas sociais
  • Ano em que está cursando a escola;

Está seleção terá validade de um ano, porém, há possibilidade de ser prorrogada por mais um ano.

Os aprovados no Programa serão convocados para assumirem seus postos de trabalho conforme a necessidade de cada unidade dos Correios, dentro deste prazo de 1 ano de validade.

Sobre o Programa de Aprendizagem dos Correios 2018

Conforme citado acima, a duração do programa será de 12 meses consecutivos e será realizado em um sistema dual.

Esse sistema é composto por duas fases: A primeira é a fase teórica e vai ser aplicada no Senai, já a fase prática deve ser aplicada nas instalações dos Correios, de acordo com a orientação de um empregado do órgão, que seja capacitado para a função.

Os jovens vão receber mais de 800 horas de capacitação durante os 12 meses, além disso, no término do programa eles vão receber o certificado da formação técnico-profissional.

Vale ressaltar que o recebimento desse certificado, que deve ser entregue ao final dos 12 meses, vai depender da aprovação do aprendiz no curso e de uma avaliação referente a execução de atividades cobradas no programa.

Rosângela Rodrigues